Warning: Use of undefined constant pesquisar - assumed 'pesquisar' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/public/propriedades.php on line 235

Warning: Use of undefined constant comentarios - assumed 'comentarios' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/propriedades.php on line 60

Warning: Use of undefined constant todos - assumed 'todos' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/propriedades.php on line 66

Warning: Use of undefined constant todos - assumed 'todos' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/propriedades.php on line 69
Momento de Reflexão

Livraria 18 de Abril

Register for free | Sign in


Warning: Use of undefined constant livros_cds - assumed 'livros_cds' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/mensagens.php on line 172

Warning: Use of undefined constant comentar - assumed 'comentar' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/mensagens.php on line 178

Warning: Use of undefined constant comentar - assumed 'comentar' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/mensagens.php on line 190

Transformado, mas nem sempre convertido


Warning: Use of undefined constant curtir - assumed 'curtir' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/mensagens.php on line 385

Warning: Use of undefined constant compartilhar_facebook - assumed 'compartilhar_facebook' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/mensagens.php on line 391

Warning: Use of undefined constant compartilhar_facebook - assumed 'compartilhar_facebook' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/mensagens.php on line 391

Warning: Use of undefined constant compartilhar_twitter - assumed 'compartilhar_twitter' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/mensagens.php on line 395

Warning: Use of undefined constant imprimir - assumed 'imprimir' (this will throw an Error in a future version of PHP) in /home/reflexao/www/private/mensagens.php on line 397

   

Durante a existência todos nós passamos por várias transformações.

Além das transformações que a idade nos traz, há aquelas causadas por doenças, e mais aquelas intelectuais e morais.

No geral, as transformações podem ser rápidas e passageiras, ou podem vir para ficar, dependendo do que as gerou.

Um acidente, por exemplo, pode causar transformações passageiras ou duradouras, dependendo das circunstâncias e das conseqüências que acarrete.

Se do acidente resultou uma limitação física, uma paralisia qualquer, nosso comportamento pode mudar radicalmente, tanto em nível físico quanto psicológico.

Um fato ou uma circunstância também pode ser agente de transformação em nosso comportamento.

Quando vemos, nos tempos de inverno, uma pessoa tremendo de frio, o fato nos leva ao sentimento de compaixão e há uma transformação moral, uma vez que sentimos vontade de atender ao próximo.

No entanto, essa transformação necessariamente não será duradoura. Nem sempre fica para sempre em nosso comportamento.

As transformações intelectuais se dão no campo das idéias. Lemos um livro e nos deixamos influenciar pelas idéias do autor.

Assistimos um filme e transformamos nossa maneira de pensar e agir. Folheamos uma revista de moda e nos deixamos levar pela proposta dos modistas.

Ou ainda, assistimos a determinados programas ou novelas e transformamos nossa maneira de vestir e falar, segundo os personagens.

Essas transformações surgem do exterior e são temporais, passageiras, acabam juntamente com as causas que as provocaram. Logo vem outra idéia, outra moda.

Contudo, distinta das transformações ditas psicológicas, há a chamada conversão cristã, que é efetiva e duradoura.

Essa conversão pode acontecer aos poucos ou de uma única vez, instantaneamente.

Um exemplo de conversão instantânea é a que se passou com Saulo de Tarso. Ele não hesitou ante a visão que teve do Cristo, às portas de Damasco.

Jamais voltou atrás, sua conversão foi efetiva. Mudou até mesmo seu nome para Paulo de Tarso, por ter este um significado condizente com sua nova postura, pois que Paulo significa "o pequeno".

O mesmo não se deu com Pedro, o Apóstolo. Sua conversão se deu paulatinamente. Seu temperamento era distinto do de Paulo.

Ele não aceitava as idéias novas sem antes questioná-las até entendê-las.

Eram espíritos em estágios evolutivos diferentes. Paulo, antes de conhecer o Mestre de Nazaré, já era um homem austero e fiel à sua crença.

Lutava com decisão e coragem por suas idéias.

Quando encontrou Jesus, só mudou a direção dos ideais, já que a firmeza fazia parte da sua vida.

Tomé foi outro exemplo de conversão paulatina. Questionou várias vezes, observou outras tantas, convenceu-se enfim. Mas levou mais tempo.

Nesse pequeno paralelo traçado entre as transformações e a efetiva conversão cristã, poderemos perceber em qual nos situamos.

É importante que nos deixemos influenciar pelas idéias saudáveis de autores nobres.

Também é importante que nos deixemos envolver pelo sentimento de compaixão, ainda que fugidio.

Mas é imprescindível que pensemos nos exemplos de conversão cristã, e empreendamos esforços por conseguir nossa própria conversão, que certamente está se dando paulatinamente. Mas que seja contínua e persistente.

* * *

Maria de Magdala é um dos maiores exemplos de conversão cristã, contida no Evangelho.

É também um dos exemplos mais nobres, uma vez que a mudança foi radical, passando de uma vida dissoluta à renúncia total.

Ela doou tudo o que tinha e abraçou a causa cristã com vontade e disposição. Não foi outro o motivo pelo qual Jesus se mostrou a ela após a ressurreição.

Redação do Momento Espírita.