Livraria 18 de Abril

Cadastre-se gratuitamente | Entrar

Livro de visitas

Clique em "Assinar o livro" à esquerda para deixar seu depoimento

 sao jose doa ccampos - CRISTINA MONTEIRO DE OLIVEIRA / SAO JOSE DOS CAMPOS RIO DE JANEIRO - 45 anos

 

 uma amiga me mandou uma mensagem desse site e eu adorei, achei as mensagens muito construtivas e tocantes, muito legal mesmo, voçês estão de parabens. aniele de fatima - ANIELE DE FATIMA SOUSA DE MEDEIROS / JOãO PESSOA/PB - 43 anos

 

 este site prova que deus também está presente na it. it que pode ser uma estrada para levar ao engano a muitos, mas que utilizada com respeito pode oferecer soluções a altura da dignidade do homem como faz momentos de refelexão. sucesso! - JOSE A. ALVES SILVA / MACAé/RJ/BRASIL - 54 anos

 

 jesus é o criador de todos jesus é o salvador de alguns jesus será o juiz dos demais! - PAULO ANTONIO DA SILVA / SãO PAULO - SP - BR - 47 anos

 

 saudações fraternais a todos que acessam este maravilho site *** sobre a ciência da oração *** É freqüente, as pessoas orarem incorretamente por confundirem a oração com súplica. certa senhora imaginou se e, temendo esse acontecimento, começou a orar fervorosamente: “senhor, protegei o meu marido; não permitais que ele morra”. e um dia ele morreu. parece que a oração não foi ouvida, mas na verdade, foi ouvida. “oração é mentalização profunda e constante”. na mente da pessoa que orou concentradamente “para que o marido não morresse”, estava sendo fortemente afirmada a idéia da “morte do marido”, e por isso realizou-se a “morte do marido”. da mesma forma, se muitas pessoas não conseguem a saúde apesar de orar “curai-me desta doença”, é porque tal oração está servindo para afirmar a idéia “eu estou doente” em vez de fortalecer a convicção “já estou curado”. a verdade 9, 305 * m.t. - HAROLDO BATISTA DE OLIVEIRA / PATOS-PB-BRASIL - 58 anos

 

 saudações fraternais a todos que acessam este maravilho site *** sobre a ciência da oração *** É freqüente, as pessoas orarem incorretamente por confundirem a oração com súplica. certa senhora imaginou se e, temendo esse acontecimento, começou a orar fervorosamente: “senhor, protegei o meu marido; não permitais que ele morra”. e um dia ele morreu. parece que a oração não foi ouvida, mas na verdade, foi ouvida. “oração é mentalização profunda e constante”. na mente da pessoa que orou concentradamente “para que o marido não morresse”, estava sendo fortemente afirmada a idéia da “morte do marido”, e por isso realizou-se a “morte do marido”. da mesma forma, se muitas pessoas não conseguem a saúde apesar de orar “curai-me desta doença”, é porque tal oração está servindo para afirmar a idéia “eu estou doente” em vez de fortalecer a convicção “já estou curado”. a verdade 9, 305 * m.t. - HAROLDO BATISTA DE OLIVEIRA / PATOS-PB-BRASIL - 58 anos

 

 adorei as mÚsicas!sÓ falta lua branca de xiquinha gonzaga,atraente,dela tambÉm,concerto para piano - MARIA DE FáTIMA / SANTOS DUMONT BRASIL - 51 anos