Livraria 18 de Abril

Register for free | Sign in

Livro de visitas

Clique em "Assinar o livro" à esquerda para deixar seu depoimento

 estou muito feliz, por esta sempre em contato com esta pagina de reflexao, pois e muito bom pra alma, e enriqueçe o espirito, dar força na caminhada, peço aos meus amigos q me mandem sempre. beijos. - TERSINHA / CASTANHAL PARÁ BRASIL - 64 anos

 

 nunca diga para deus q voce tem um grande problema diga para os problemas q voce tem um grande deus. - MAURO WILSON / PA - 32 anos

 mauro wilson-a.moraes lendo sua resposta sobre o site de momento de reflexão resolvir manda uma mensagem de andre luiz muita paz em nossos corações brandura insignificante é o pingo d'água, todavia, com o tempo, traça um caminho no corpo duro da pedra. humilde é a semente, entretanto, germina com firmeza e produz a espiga que enriquece o celeiro. frágil é a flor, contudo, resiste à ventania, garantindo a colheita farta. minúscula é a formiga, mas edifica, à força de perseverança, complicadas cidades subterrâneas. submissa é a argila, no entanto, com o auxílio do oleiro, transforma-se em vaso precioso. branda é a veste física, que um simples alfinete atravessa, todavia suporta vicissitudes incontáveis e sustenta o templo do espírito em aprendizado, por dezenas de lustros, repletos de necessidades e padecimentos morais. o verdadeiro progresso prescinde da violência. tudo é serenidade e seqüência na evolução. aprendamos com a natureza e adotemos a brandura por diretriz de nossas realizações para a vida mais alta, mas não a brandura que se acomoda com a inércia, com a perturbação e com o mal e sim aquela que se baseia na paciência construtiva, que trabalha incessantemente e persiste no melhor a fazer, ultrapassando os obstáculos que a ignorância lhe atira à estrada e superando os percalços da luta, a sustentar-se no serviço que não esmorece e na esperança fiel que confia, sem desânimo, na vitória final do bem. autor: andré luiz, psicografia de francisco cândido xavier, do livro "caridade" enviado por marilia moura. esta msg foi enviada por abraços de vera vicente e repassando em 26/08/2006 por alfredo moraes rio de janeiro muita paz" (alfredo moraes, 26/08/2006 16:35) - ALFREDO MORAES

 

 gosto muito das mensagens, que vocês mandam - SAMUEL SANT´ANA DA SILVA / SãO PAULO/SP./BRASIL - 27 anos

 

 È realmente um privilegio quem recebe os textos que aqui se publica. uma bela iniciativa que merece louvores. - MAURICIO FERNANDES REBELLO / RIO DE JANEIRO/BRASIL - 71 anos

 

 fico muito feliz em receber essas mensagens,elas sempre nos faz pensar sobre a vida de uma forma muito mais positiva e mais leve, tbm nos leva a confiarmos mais em nós mesmo.É sempre uma alegria receber!!!!!! abraços sandra - SANDRA / SãO PAULO-SP-BRASIL - 42 anos

 sandra-a.moraes lendo sua resposta sobre o site de momento de reflexão resolvir manda uma mensagem de andre luiz muita paz em nossos corações brandura insignificante é o pingo d'água, todavia, com o tempo, traça um caminho no corpo duro da pedra. humilde é a semente, entretanto, germina com firmeza e produz a espiga que enriquece o celeiro. frágil é a flor, contudo, resiste à ventania, garantindo a colheita farta. minúscula é a formiga, mas edifica, à força de perseverança, complicadas cidades subterrâneas. submissa é a argila, no entanto, com o auxílio do oleiro, transforma-se em vaso precioso. branda é a veste física, que um simples alfinete atravessa, todavia suporta vicissitudes incontáveis e sustenta o templo do espírito em aprendizado, por dezenas de lustros, repletos de necessidades e padecimentos morais. o verdadeiro progresso prescinde da violência. tudo é serenidade e seqüência na evolução. aprendamos com a natureza e adotemos a brandura por diretriz de nossas realizações para a vida mais alta, mas não a brandura que se acomoda com a inércia, com a perturbação e com o mal e sim aquela que se baseia na paciência construtiva, que trabalha incessantemente e persiste no melhor a fazer, ultrapassando os obstáculos que a ignorância lhe atira à estrada e superando os percalços da luta, a sustentar-se no serviço que não esmorece e na esperança fiel que confia, sem desânimo, na vitória final do bem. autor: andré luiz, psicografia de francisco cândido xavier, do livro "caridade" enviado por marilia moura. esta msg foi enviada por abraços de vera vicente e repassando em 26/08/2006 por alfredo moraes rio de janeiro muita paz" (alfredo moraes, 26/08/2006 16:35) - ALFREDO MORAES

 sandra-alfredo moraes rio de janeiro repassando mensagem em 26/08/2006 alegria de viver amarás o senhor teu deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento... amarás o teu próximo como a ti mesmo. (mt. 22: 37, 39) que jesus cristo esteja conosco, agora e sempre! há no evangelho um sentindo íntimo, que nenhum de nós deve esquecer. É o da alegria, por estarmos vivenciando uma experiência importante como a da elevação. cada um de nós, nas suas lutas, nas suas dificuldades, nos problemas que carrega consigo mesmo, lembre-se sempre de que o projeto interno de elevação da criatura não pode ser esquecido em momento algum. ai de nós que assim o façamos! se agirmos desse modo, estaremos como que voltados para o lado obscuro da vida; não veremos alegria no sol nascente, tampouco veremos o equilíbrio das forças quando o sol se põe. busquemos fazer da nossa existência o contínuo núcleo de trabalho em torno da felicidade e da paz. busquemos na alegria de servir ao próximo com jesus a força necessária para caminhar, a despeito de qualquer dificuldade. lutas, problemas, angústias existem para o homem não-espírita, para o homem não-cristão. para estes existem, sim, trabalhos de orientação, forças de energia, caminhos na direção do equilíbrio, enfim, energias para vivenciar o bem. lembremo-nos, desse modo, de que todos os que estamos nesta casa guardamos no coração a mensagem do evangelho todos os sete dias da semana, cabendo a nós conservar o coração atento para a sua prática; e para praticar o evangelho, nada melhor do que a alegria de viver. que deus ajude e abençoe a todos vocês, trazendo muita paz para o coração de cada um! o abraço do hermann para todos. muita paz! hermann (mensagem psicofônica recebida pelo médium altivo carissimi pamphiro, em 22/06/2005, no celd, rj) - ALFREDO MORAES

 

 adorei o site. É tranquilo, leve, gostoso de navegar... e o conteúdo é muito bom. - DéBORA ARAúJO / SãO GONçALO RIO DE JANEIRO BRASIL - 23 anos

 débora araujo-a.moraes lendo sua resposta sobre o site de momento de reflexão resolvir manda uma mensagem de andre luiz muita paz em nossos corações brandura insignificante é o pingo d'água, todavia, com o tempo, traça um caminho no corpo duro da pedra. humilde é a semente, entretanto, germina com firmeza e produz a espiga que enriquece o celeiro. frágil é a flor, contudo, resiste à ventania, garantindo a colheita farta. minúscula é a formiga, mas edifica, à força de perseverança, complicadas cidades subterrâneas. submissa é a argila, no entanto, com o auxílio do oleiro, transforma-se em vaso precioso. branda é a veste física, que um simples alfinete atravessa, todavia suporta vicissitudes incontáveis e sustenta o templo do espírito em aprendizado, por dezenas de lustros, repletos de necessidades e padecimentos morais. o verdadeiro progresso prescinde da violência. tudo é serenidade e seqüência na evolução. aprendamos com a natureza e adotemos a brandura por diretriz de nossas realizações para a vida mais alta, mas não a brandura que se acomoda com a inércia, com a perturbação e com o mal e sim aquela que se baseia na paciência construtiva, que trabalha incessantemente e persiste no melhor a fazer, ultrapassando os obstáculos que a ignorância lhe atira à estrada e superando os percalços da luta, a sustentar-se no serviço que não esmorece e na esperança fiel que confia, sem desânimo, na vitória final do bem. autor: andré luiz, psicografia de francisco cândido xavier, do livro "caridade" enviado por marilia moura. esta msg foi enviada por abraços de vera vicente e repassando em 26/08/2006 por alfredo moraes rio de janeiro muita paz" (alfredo moraes, 26/08/2006 16:35) - ALFREDO MORAES

 débora - alfredo moraes repassando msg em 26/08/2006 alegria de viver amarás o senhor teu deus de todo o teu coração, de toda a tua alma, e de todo o teu entendimento... amarás o teu próximo como a ti mesmo. (mt. 22: 37, 39) que jesus cristo esteja conosco, agora e sempre! há no evangelho um sentindo íntimo, que nenhum de nós deve esquecer. É o da alegria, por estarmos vivenciando uma experiência importante como a da elevação. cada um de nós, nas suas lutas, nas suas dificuldades, nos problemas que carrega consigo mesmo, lembre-se sempre de que o projeto interno de elevação da criatura não pode ser esquecido em momento algum. ai de nós que assim o façamos! se agirmos desse modo, estaremos como que voltados para o lado obscuro da vida; não veremos alegria no sol nascente, tampouco veremos o equilíbrio das forças quando o sol se põe. busquemos fazer da nossa existência o contínuo núcleo de trabalho em torno da felicidade e da paz. busquemos na alegria de servir ao próximo com jesus a força necessária para caminhar, a despeito de qualquer dificuldade. lutas, problemas, angústias existem para o homem não-espírita, para o homem não-cristão. para estes existem, sim, trabalhos de orientação, forças de energia, caminhos na direção do equilíbrio, enfim, energias para vivenciar o bem. lembremo-nos, desse modo, de que todos os que estamos nesta casa guardamos no coração a mensagem do evangelho todos os sete dias da semana, cabendo a nós conservar o coração atento para a sua prática; e para praticar o evangelho, nada melhor do que a alegria de viver. que deus ajude e abençoe a todos vocês, trazendo muita paz para o coração de cada um! o abraço do hermann para todos. muita paz! hermann (mensagem psicofônica recebida pelo médium altivo carissimi pamphiro, em 22/06/2005, no celd, rj) - ALFREDO MORAES

 

 muitoooo lindo tudo que tem esse site!! - GISELLE / BELÉM PARA BRASIL - 19 anos