Livraria 18 de Abril

Register for free | Sign in

Livro de visitas

Clique em "Assinar o livro" à esquerda para deixar seu depoimento

 qual e a melhor coisa a fazer no momento em que quer desabafar com alguem: ( )chamar a pessoa a um lugar mais afastado ( )colocar uma carta anonima ou um emai falando coisas com o que gosta de fazer. para mim preferia o segundo por que assim td mundo te entenderia e seriam como irmaos.a cada vez que temos mais forcas seremos melhores - PAULO HENRIQUE / CAMPO GRANDE/MATO GROSSO DO SUL/ - 16 anos

 

 É sempre maravilhoso receber mensagens que nos sjudam a cada momento nos tornar um ser humano melhor luz sempre bjs obrigada - ELIANA FERREIRA / CUBATãO - 39 anos

 

 passado uns 6 meses, eu ja com 17 anos, conheci uma pessoa, começamos a namorar, minha familia aprovou demais a relaçao, por ele ser uma pessoa normal e sem vicios, nosso namoro no começo foi otimo, mas ao passar o tempo a relaçao foi desgastando, ele nao demonstrava tanto amor por quanto eu por ele, eu sempre copbrava isso dele, e ele apesar de ser uma boa pessoa nao me completava por ser tao seco e insensivel, daí conheci um outro homem, que me interessou, mas sabia que era casado, e msm assim me aventurei, de sair com ele, e traí meu namorado, queria fazer isso só uma vez pra acabar com a carencia de carinho que estava sentindo, mas eu e o tal casado fomos nos envolvendo demais, ele queria que eu terminasse meu namoro que ele estava disposto a abando nar a familia dele pra ficarmos juntos, ele era diferente, fazia tudo o que eu queria, se preocupava comigo, me dava muito amor e carinho, mas tava o prblema que eu namorava e ele era casado, entao resolvi terminar meu namoro pra ficar só com ele, mas o meu namorado, nao aceitava o término porque ele achava que pelo o que eu estava terminando dele nao era motivo pra acabar a relação, ele ficou mal, quis reverter a situação, tentou melhorar...mas sem saber que eu havia traido e estava terminando por causa de outro, que inclusive era casado.e nesse periodo de terminação, que ficamos só uma semana distantes, eu e o namorado, confirmo uma gravidez...gravida pela quarta vez, e a tal duvida, e agora, com quem fico, quem é o pai da criança, meu namorado, ou o meu amante casado?e na duvida, ja que meu namorado queria voltar, e ele nao soube da traição, minha familia gostava muito dele e eu tb, mas trai por carencia, resolvi deixar o casado, falar pro meu namorado que estava gravida e ajeitar nossa vida juntos a partir dali, o casado nao queria a aseparacao tambem, mas ele foi mais compreensivo, falei que estava gravida, ele perguntou se era dele, ele sabia que eu tinha duvidas, mas deixou pra eu escolher, e ainda quis me dar um apoio por fora, me ligava pra saber se estava precisando de alguma coisa, e que se eu resolvesse ficar com ele, estavaria me esperando.fui me distanciando dele, com medo de alguem ficar sabendo da nossa antiga relaçao e atrapalhar meu casamento e minha gravidez.entao me casei com meu namorado, meu filho nasceu...tive um menino, ele nunca soube da traição, hoje vivemos super bem, eu o amo, e tenho certeza que ele me ama tb, o filho que eu tive ja tem 6 anos hoje, e apos 4 anos tivemos uma menina, e nunca mais tive coragem de trair e muito menos abortar, só que...carrego 5 culpas:3 abortos+1 traição+dúvida de que meu marido hoje é realmente o pai do meu filho, ou será que é o meu amante casado?e escondo isso tudo comigo, me sinto muito mal, reconheço todos os meus erros, peço perdão por todos eles, mas não tenho coragem de revelar pra não perder minha família. o que fazer com um caso desses?! - ODRM / FRANCA/SP BRASIL - 27 anos

 

 é a primeira vez na minha vida que confesso cinco culpas que carrego comigo há mais de onze anos!quando eu tinha quatorze anos me envolvi com um rapaz que era viciado em drogas, namoramos escondido por dois anos porque minha familia toda sempre foi contra, fiquei gravida aos quatorze anos, me desesperei, escondi a gravidez de todos, por uns quatro meses e meio, e na angustia do que fazer, o cujo namorado viciado teve a ideia do aborto, eu desesperada, porque achava que nao teria apoio da minha familia, tive medo de revelar e acabei que aceitando por impulso aquele aborto, ele que foi atras do remedio pra abortar...o famoso:citotec...com duas pilulas ele penetrou em mim com o proprio pênis, e logo ja comecei a sentir dores e o feto acabou que abortado, fiquei mal uns dias, tive bastante sangramento, meios seios ficaram muito inchados, e ninguem ficou sabendo do ocorrido a nao ser eu e ele, e dai continuamos a escondidas, sem usar preservativo e pilula, com quinze anos...grávida de novo...correu de novo atrás de citotec, fizemos o mesmo procedimento, mas nessa segunda vez sem esperar muito...passei menos mal e continuamos do mesmo jeito...com dezesseis anos...gravida pela terceira vez...mais um aborto do mesmo processo dos anteriores e sem ninguem ficar sabendo absolutamente de nada, passou uns meses o casdo das drogas dele se agravou e a familia dele resolveu interná-lo em uma casa re recuperação, eu dei a maior força pra ele se recuperar, daí recuperado minha familia poderia aceitar nossa relação, mas ele nao quis ficar, conseguiu um mes e saiu, e voltou ás drogas, começou a me dar muito trabalho e até me agredir, daí fui me acordando, e cansando daquela vida tumultuada que estava levando, porque mentia pra minha familia por causa dele e ele ainda nao me dava valor mais, resolvi terminar a relaçao, ele ficou um tempo me perseguindo, ate que ele arranjou outra pessoa e me deixou em paz. - ODRM / FRANCA/SP BRASIL - 27 anos

 

 parabéns a todos do site,sou catequista de crisma,como seria bom se a humanidade entendesse de uma vez,que deus,é unico,não importa a religião,tantos exemplos foram deixados,madretereza,francisco xavier,zilda arnes.eles encontraram a essencia de deus vivo,a paz,o amor, a união.contunuem em frente falar,escrever, sobre deus não é facil,mas continuem. um grande abraço a todos. a paz de deus esteja com voces. - MARCIO ISMAEL STAVARENGO / VOTUPORANGA / SãO PAULO /BRASIL - 42 anos

 

 a frase na qual recebi, é bem propicia para o momento no qual eu vivo com minha família. obrigada! - GILVANA VAL DE MELO / TERESINA-PIAUí-BRASIL - 42 anos

 

 eu queria um concelho eu terminei com o meu namorado e de noite ele foi p praca o q eu fasso eu perdou e esqueco o q aconteceu e volto com ele ou eu dou o troco fasso mesmo e depois eu volto pq eu amo ele... obrigado... - KARINA LAZARA DA CRUZ / MG CAMBUI - 22 anos

 me ajudem por favor a tomar a desicao certa e obrigado por fazer esse site maravilhoso - KARINA LAZARA

 carissima pegue todos os momentos que voces viveram,coloque-os em seu coração,veja com os olhos da alma, a resposta esta em voce. - MARCIO ISMAEL STAVARENGO